Mito entre as tattoos: Impar?!

Uma das formas de modificação do corpo mais conhecidas e cultuadas do mundo é a tatuagem. Para os cultuadores dessa arte, continuar se tatuando é ser uma obra de arte viva e temporal tanto quanto a vida.

naufragio pirata

Na realidade existem muitas versões, mas certamente essa deva ser a mais coerente.
Não se sabe exatamente, mas entre os séculos XV e XVII, nos mares europeus, um navio pirata naufragou e todos piratas que tinham tatuagens em número par no corpo morreram,  já todos aqueles piratas que tinham em número impar sobreviveram.  Acreditam os fiéis dessa lenda que tatuagens em número par dão azar.  A partir daí então surgiu o mito das tattoos em números ímpares, pois a história desse naufrágio foi passada de geração em geração.

 

 

 

Tatuagem não tem idade

O que leva homens e mulheres a realizarem, na maturidade, o desejo de tatuar a pele

 

Executivo do ramo financeiro, Cláudio Lorenzetti, 68 anos, adiou por décadas o sonho de ter uma tatuagem por temer o preconceito principalmente no ambiente de trabalho.

finalmente tomou coragem de entrar em um estúdio. Apesar das dores das agulhadas, saiu realizado com o rosto de Jesus Cristo desenhado no braço direito. “Sempre tive vontade de tê-lo aqui no meu corpo”, conta ele,  um católico fervoroso. A esposa, Nilza, da mesma idade, não só aprovou a novidade como também aproveitou a onda e resolveu tatuar uma borboleta no pulso.

Depois de ter conseguido sair do submundo e conquistado as classes média e alta, agora a tatuagem também rompe a barreira da idade. É cada vez mais comum encontrar pessoas com mais de 60 anos nos estúdios e até famílias inteiras decorando o corpo. “Já tatuei um senhora de 65 anos”, conta Vivy MCD PascK (MemoriesTattoo&Piercing)

O fato de os procedimentos terem se tornado mais confiáveis e menos dolorosos ajudou a quebrar o receio dos mais velhos. “Tatuagem não é mais uma coisa de gente maluca”.

Esse público, porém, é mais exigente. “Eles só aderiram às tatuagens após o surgimento de equipamentos mais modernos, ambientes mais higienizados e bom atendimento”. Hoje, os estúdios sérios usam agulhas descartáveis, acessórios esterilizados e tintas de qualidade.

Aumentar a autoestima é a principal vantagem desse tipo de atitude, segundo a psicogeriatra Claúdia Finamore. “Uma pessoa nesta idade se sente mais livre para realizar uma vontade de longa data e isso é muito positivo”, afirma. Ela apenas alerta para que a vontade de parecer mais jovem não se torne uma obsessão. “Realizar um desejo é diferente de negar a idade”, diz. Segundo os tatuadores, não existem restrições para uma pessoa de meia-idade fazer uma tatuagem. E os cuidados logo após o procedimento são os mesmos, como a higienização com sabonete neutro, escondê-la do sol e não mergulhar no mar ou na piscina por um mês.

Tatuagem influencia seu espírito empreendedor?

UNIT34 e produtora Yodeley lançam vídeo que fala sobre a tendência da tatuagem e o modo diferenciado de pensar daqueles que são adeptos à cultura de desenhar em seus próprios corpos.

MemoriesTattoo&Piercing
Produtores afirmam que os tatuados são mais decididos do que querem para si.

Tattoo Trend é resultado de uma pesquisa baseada em entrevistas com jovens e adultos tatuados, psicólogos e profissionais especializados em comportamento humano. O estudo foi realizado pelo especialista em Decisões Estratégicas Flavio Ferrari, antigo CEO do Ibobe Media.

De acordo com o vídeo, as pessoas tatuadas têm comportamento diferenciado inclusive no mundo dos negócios. Como é uma atitude de auto-afirmação, a tatuagem influencia seu espírito empreendedor. Os tatuados possuem controle sobre si mesmos e sabem lutar pelo que querem. Confira no video abaixo:

Quero ficar no teu corpo feito tatuagem… Quero te dar coragem para seguir viagem…

E você? Tem alguma tatuagem?

Cientistas revelam tatuagens encontradas em múmias de 2.500 anos e definem semelhanças com os tatuados de hoje

A princesa tinha diversas tatuagens nos braços Foto: Reprodução / Mail Online

 

Cientistas revelaram, na Rússia, tatuagens em corpos mumificados há 2.500 anos. Muitos desenhos estavam marcados no corpo de uma princesa siberiana, morta aos 25 anos. Ela pertencia ao povo Pazyryk, nômades do século 5 a.C.

Segundo o site “Mail Online”, as tatuagens são desenhos de criaturas mitológicas. Os especialistas acreditam que as tatuagens tinham relação com a idade e o status ao qual pertencia a pessoa. A cientista Natalia Polosmak, responsável pela descoberta da princesa Ukok, como é conhecida a múmia, acredita que o significado e disposição das tatuagens hoje em dia não são muito diferente de dois milênios atrás.

– Acho que não estamos muito longe dos Pazyryk, em relação ao porquê as tatuagens são feitas – garantiu ela, em entrevista ao site Siberian Times.

A princesa tinha tatuagens no pulso e na mão Foto: Reprodução / Mail Online

Acredita-se que, além de pertencer à família real, a princesa Ukok era uma curandeira ou reverenciada como santa. Ela foi sepultada cercada por dois guerreiros, também com tatuagens espalhadas pelo corpo. Os dois deveriam protegê-la. Havia ainda seis cavalos para facilitar a viagem para a próxima vida.

Representação de uma das tatuagens da princesa Foto: Reprodução / Mail Online

 

Segundo Natalia, assim como na atualidade, as tatuagens encontradas em múmias com 2.500 anos, também têm relação com o conceito de beleza.

– Há ainda um desejo de ficar tão bonita quanto possível – explicou ela.

O povo Pazyryk utilizava as tatuagens como uma espécie de identificação pessoal. Eles também acreditavam que os desenhos no corpo seriam úteis em outra vida, depois da morte. Além disso, as tatuagens podiam ser uma forma de expressar pensamentos e posições sociais.

Representação das tatuagens encontradas nos dois guerreiros Foto: Reprodução / Mail Online

 

Segundo a especialista, a primeira tatuagem era feita sempre no ombro direito. Ela afirma isso com segurança, já que todas as múmias encontradas com apenas uma tatuagem, tinham o desenho no ombro direito. Natalia acredita que, hoje em dia, ainda existe uma tendência de tatuar a mesma região do corpo.

– Acho que está ligado à composição do corpo. O ombro direito é um lugar visível, onde a tatuagem pode parecer mais bela. Em anos, nada mudou e o corpo permanece o mesmo. A pessoa que faz uma tatuagem agora está mais próxima dos ancestrais do que pode imaginar – garantiu.

As múmias em questão foram encontradas há 19 anos no Ukok Plateau, região localizada na Sibéria, a mais de 2.500 metros acima do nível do mar, e perto das fronteiras com a Mongólia, China e Cazaquistão.

A tatuagem é visível no ombro direito do guerreiro. Desenho semelhante foi encontrado na princesa Foto: Reprodução / Mail Online
Estátua de como seria a princesa, há 2.500 anos Foto: Reprodução / Mail Online

Fonte: extra.globo

O Lokoooo!!! Nokia tenta patentear tatuagem que vibra com chamada de celular

Tecnologia permite que tatuagens vibrem com ondas magnéticas do celular.
Tatuagem poderia alertar usuário sobre ligações e mensagens de texto.

Memories Tattoo & Piercing

A fabricante finlandesa Nokia tenta registrar uma patente nos Estados Unidos de tatuagens que vibram para avisar quando o celular toca. A tecnologia, descrita no pedido de patente, permite que as tatuagens vibrem com as ondas magnéticas emitidas pelos celulares.

As ondas fazem com que as tatuagens emitam “estímulos perceptíveis” para alertar seus portadores sobre chamadas, mensagens ou falta de energia nas baterias. “O estímulo perceptível poderá se traduzir por uma vibração na imagem aplicada na pele, por exemplo”, destaca o pedido de patente, que cita uma tinta elaborada com compostos magnéticos.

As sensações produzidas pelas tatuagens, permanentes ou temporárias, poderão ser personalizadas, com variação de intensidade e duração de acordo com a origem do telefonema ou da mensagem de texto. As tatuagens também poderão ser “recarregadas” com ímãs especiais, destaca a documentação.

 

Fonte: G1

Tatuagem anal vira moda em evento nos EUA

Modalidade foi apresentada em evento que reúne tatuadores, na Flórida.
Participante diz já ter tatuado o nome de dois ex-namorados no ânus.

Participante de evento de tatuadores na Flórida se submete à tatuagem anal (Foto: Reprodução / ‘New Times’)

No dia 15/Agosto o G1 atualizou uma noticia… Mais uma modalidade em nossa arte…. Será que pega essa moda aqui?! kkkk

Uma modalidade de tatuagem pouco conhecida pode se tornar uma nova tendência segundo participantes de um evento sobre o tema realizado no fim de semana em um centro de convenções da Flórida, nos Estados Unidos.

A tatuagem anal chamou a atenção dos visitantes da 17ª edição da South Florida Tatoo Expo, evento que reúne anualmente, além de tatuadores, atrações musicais, carros, shows exóticos.

Uma das participantes do evento contou ao site “New Times”, de Palm Beach, já ter tatuado o nome de dois ex-namorados no ânus e garantiu que tatuar o local é “muito, muito bom”.

Fonte: G1